ANTIPROGRAMA 13: Serbian Film! American Ninja! Hollywood reaprendendo a fazer filmes bons e baratos…!

Olá, fiel ouvinte do Antiprograma! Nesta edição, muitas recomendações de coisas legais! Idade não tem idade! Pateta faz História! O maior filho da puta das história em quadrinhos! A Cabana Macabra! Burke e Hare! Paul NÃO vai para os cinemas (apesar do que falamos aqui)! O Incrível Homem que Derreteu! O Homem-Cobra! Geleca versus A Coisa! American Ninja! O Visitante! Serbian Film! Os 13 Assassinos! Shadow Line! Sherlock Holmes da BBC: O Problema Final e A Casa Final! E a grande pergunta: Hollywood está voltando a fazer filmes bons e baratos? E, pra variar… Doctor Who!Acompanhe o papo de Maurício Muniz, Benedito Nicolau, Alvaro Omine, Gustavo Daher e Marcelo Fernandes em mais uma seção de nerdices, humor e palavrões! MAS FIQUE ESPERTO: O Antiprograma é indicado para maiores de 18 anos…!!! Mesmo! Sério! De verdade! Palavrões e baixarias correm soltos! Nós avisamos…

Ouça o Antiprograma clicando na janela abaixo ou baixando o arquivo em MP3, clicando AQUI!

Os comentários e perguntas mais legais e interessantes serão lidos e respondidos no ar. Divirta-se!

Trailer COMBATE INGLÓRIO:

://

8 comentários sobre “ANTIPROGRAMA 13: Serbian Film! American Ninja! Hollywood reaprendendo a fazer filmes bons e baratos…!

  1. Já ouvi e assisti vários podcasts, mas o antigravidade é o melhor.

    Engraçado e inteligente, sem apelar para piadinhas prontas ou uso de uma edição sonora forçada e com dicas de quadrinho, filmes e séries que realmente valem a pena.

    Tenho uma pergunta, assim como o Mauricio Muniz e o Benedito Nicolau, sou fã do imortal Sherlock Holmes, e gostaria de saber a opinião de vocês sobre a série mais antiga com o Jeremy Brett no papel do detetive.

    Em minha opinião, principalmente por ter lido os livros (vocês leram a versão anotada que a editora Zahar publicou?), chega a ser assustadora a semelhança do ator com a personagem, sem desmerecer a interpretação de Basil Rathbone.

    Um grande abraço e sucesso.

  2. Queridões:

    Os caras da Panini são mesmo sumíticos, pode crer. Vão esperando sentados o povo abrir a mãozinha para dar amostra de figurinha para vocês.
    Eu só posso escutar mesmo aqui pelo Blog, minha internet é a oitava maravilha do mundo, mas a galáxia aqui é muito distante mesmo. Pois é, meninos, não é só em São Paulo que você tem ouvintes.
    Para seu governo, acabei de ler “Jimmy Corrigan: O menino mais inteligente do mundo” do Chris Ware. Eu não usei lupa, mas cheguei muuito perto. É uma obra frustrante para os miopes em geral, com letras que variam entre o corpo 8 e o 6. Mas, o enredo é tudo o que eu esperava e um pouco mais, fora os conteúdos pré-textuais. O problema da solidão no meio da multidão é o tema que permeia todas as narrativas da obra, de uma forma madura e muito bem engendrada.
    O “Mundo Fantasma” do Daniel Clowes, parece a história da minha vida… A minha foi um pouco pior. Ele tem um desenho tão clean, na mesma “linha clara” recriada pelo Fábio Moon e Daniel Bá no Brasil. É tendência, contrastando com a estética Mangá.
    Agora, estou iniciando a leitura do “Combate Inglório”, mas já sei que estou com um clássico nas mãos.
    Já assisti o X-Men First Class no cinema. Fala a verdade, o diretor é tudo num filme. A pegada “yellow” ficou ótima mesmo, o Matthew Vaughn é bom de ficção científica, lembra do Stardust? Ué, acho que o público é adulto mesmo, por isso liberaram alguns palavrõezinhos, algumas calcinhas, algumas cuequinhas, mas tudo muito refinado. O cabelinho da Rainha Branca está tuuuudo! Eu sou da época em que existia União Sovietica, chorei de alegria no dia do show dos Ramones, durante a queda do Muro de Berlim.

    Um abração!

    Valéria Bari

  3. Um tema legal para o próximo Antiprograma seria o cinema independente de ação, aventura, ficção-científica e etc. e já dar um gancho com a recém inaugurada produtora de cinema do Mark Millar.

  4. Ola antigarotos, como sempre muito bom o programa, ja estao pensando em fazer o programa retrospectiva de 2011, o antioscar vai para… Melhor para lembrar como era no nosso tempo o vencedor é…Um abraço…..

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s