MUNDO BIZONHO: Filmes de Zumbis

Qual o pior filme de mortos-vivos que você já viu? Esqueça! Nosso colunista comenta quatro deles que você não conhecia. Tremam (e divirtam-se), mortais!por Gustavo Daher

Olá, leitores do Antigravidade.

Para começar, uma explicação: o nome Mundo Bizonho não está escrito incorretamente. É uma mistura de bizarro + bisonho. Dito isso, vamos ao que interessa.

Prometi escrever nessa coluna sobre uns filmes extremamente bagaceiros, cinema classe Z da melhor qualidade. Produções que 99% da humanidade certamente chamará de puro lixo cinematográfico, mas eu sou um grande apreciador desse tipo de filme. Mas, claro, existem os filmes ruins-bons e os ruins-ruins. O importante é a produção ser bagaceira, divertida e nunca se levar a sério. Notem também que eu nunca usarei o termo “trash” para classificar esses filmes. Não gosto desse termo e geralmente ele é (mal) utilizado para classificar qualquer tipo de filme de terror.

E quais filmes irei falar aqui?

Escolhi 4 filmes com meu tema predileto no gênero terror: Zumbis. Sim, os adoráveis cadáveres reanimados em sua insaciável busca pela carne dos seres humanos. Obviamente, existem filmes excelentes sobre o tema (numa futura coluna publicarei meu Top 10 de filmes de zumbis) e existem produções idiotas (remakes fajutos, continuações escrotas e filmes incrivelmente chatos e covardes que beiram o amadorismo). E, claro, há o meio-termo. Nele se encontram aqueles filmes onde tudo dá errado: roteiro, maquiagens, efeitos especiais, atuações e direção. Essa é a mina de ouro para os apreciadores do cinema classe Z.

Vamos aos filmes.

Burial Ground: The Nights of Terror (1981)

Confesso que esse belíssimo filme italiano está no meu Top 10 de filmes de zumbis. Ele foi lançado em VHS aqui no Brasil com o título picareta de A Noite Dos Mortos-Vivos. Não confundir com o clássico filme de 1968 do diretor George Romero.

A história:

Um cientista está escavando num cemitério etrusco que fica nos arredores da mansão de seu amigo. Obviamente, o imbecil acaba despertando os zumbis e torna-se a primeira vítima. Logo depois, somos apresentados aos outros personagens da história: o dono da mansão, sua namorada e seu filho de 12 anos (que na verdade é interpretado por um ator adulto de baixa estatura e tem uma cara medonha), além de mais dois casais. Todos eles vão para a mansão passar um agradável fim de semana regado a sexo. Pelo menos é isso o que eles pensam.

Por que diabos eu devo assistir esse filme?

Tem tudo o que um fã de porcarias gosta: péssimas atuações, belas mulheres em cenas de nudez gratuita, zumbis com máscaras horrendas que saem de dentro de canteiros de flores e o bizarro ator que interpreta a criança protagoniza a cena incestuosa mais inacreditável da história do cinema.

Hard Rock Zombies (1985)

Rock’n’roll + Zumbis = diversão.

A história:

Uma banda de hard rock farofa está a caminho de uma cidadezinha chamada Grand Guignol para fazer um show. Chegando na cidade, são hostilizados pela população que não quer que o show aconteça. Eles conhecem então uma jovem que os hospeda em sua casa. Acontece que ela mora com vários tipos estranhos: anões deformados, assassinos e uma velhota numa cadeira de rodas que se transforma em mulher-lobo. A banda inteira é assasinada por esses desagradáveis personagens e seus membros retornam como zumbis.

Por que diabos eu devo assistir esse filme?

Uma banda de hard rock farofa zumbi. Adolf Hitler disfarçado. Eva Braun mulher-lobo. Atuações risíveis. Incríveis erros técnicos e de continuidade. Efeitos especiais lamentáveis. Trilha sonora supimpa.

Zombi 3 (1988)

Esse filme é um caso peculiar. Ele começou a ser dirigido pelo mestre italiano Lucio Fulci e foi finalizado pelo seu conterrâneo Bruno Mattei, considerado um dos piores diretores da história do cinema.

A história:

Terroristas roubam uma toxina de um centro de pesquisas do exército americano nas Filipinas, usado para reanimar cadáveres. Acontece que um dos terroristas acaba infectado com essa toxina, morre e seu corpo é cremado pelo exército. Péssima idéia. A fumaça liberada pelo seu corpo cremado vai para a atmosfera e infecta grande parte da população da ilha. Sim, a trama tem muitas semelhanças com o filme A Volta Dos Mortos-Vivos. Queriam o que? O roteiro é assinado por Claudio Fragasso, péssimo roteirista e habitual colaborador do Bruno Mattei.

Por que diabos eu devo assistir esse filme?

É divertido ver um bom diretor como Lucio Fulci envolvido numa produção tão vagabunda como essa. E muitas das cenas toscas desse filme são de sua autoria. Claro que o Bruno Mattei só completa o pacote da desgraça cinematográfica, garantindo a diversão. E nesse filme temos a bela cena da cabeça-zumbi-voadora. Confiram essa cena no vídeo abaixo:

Hell Of The Living Dead (1980)

Agora o bicho pega. Um filme inteiro dirigido pelo Bruno Mattei com roteiro escrito em parceria com o Claudio Fragasso. Cinema classe Z é isso aqui, meus amigos.

A história:

A história é deveras “criativa”: vazamento de gás tóxico transforma as pessoas em zumbis na Nova Guiné. Uau. Somos apresentados a vários personagens toscos: um grupo de elite da SWAT, uma repórter e um cinegrafista. Eles pretendem chegar ao lugar onde ocorreu o vazamento do gás e enfrentam vários zumbis no caminho. Basicamente o filme é só isso. Vemos os soldados lutando com os zumbis das maneiras mais ridículas possíveis. Em certo momento, eles encontram uma tribo local e fazem contato. Nosso grande diretor Bruno Mattei aproveita para enxertar no meio do filme várias cenas de documentários diversos sobre a vida animal e cenas de outras tribos que não tem ligação nenhuma com o filme.

Por que diabos eu devo assistir esse filme?

Assistir um filme do Bruno Mattei é obrigatório para qualquer apreciador de tralhas cinematográficas. São tantas coisas horrendas nesse filme que fica difícil enumerar. É basicamente um jogo dos mil erros. Compre umas cervejas, chame uns amigos e divirta-se assistindo essa bela porcaria.

E é isso aí. Aproveitem essas dicas marotas e corram atrás desses filmes.

Hasta.

ANÚNCIO:

Trailer: INVASÃO DOS MORTOS!

2 comentários sobre “MUNDO BIZONHO: Filmes de Zumbis

  1. véio, adorei o post. sou fissurado por filmes zombies bagaceira. saio meio zombie depois tbm, mas.. durante a leitura acabei lembrando de “Fido” é bem mais comédia, um tanto qto sátira. é bem interessante.
    Agora, a cereja do bolo parece que vai ficar com o “The Walking Dead”, a serie baseada nos quadrinhos homônimo. Cara, ta para ser foderastico, já saiu uns trailers de bastidores e umas fotos que chega a dar vontade de arranjar uma 12 e ficar em alerta com mais 3 amigos armados.. mas sei lá tbm, esperanças muito altas provou ao longo do tempo ser decepcionante.. só esperar agora. iei!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s